PT confirma candidatura de Dilma para o Senado - Dilma Rousseff
×

PT confirma candidatura de Dilma para o Senado

Em carta, Lula lembra a luta da ex-presidenta e de Fernando Pimentel contra a ditadura. E ironiza a estratégia de Aécio de fugir da disputa: “escondidinho de tucano”

05/08/2018 9:33

 

Em convenção do PT em Minas, Pimentel e Dilma são confirmados candidatos ao governo e ao Senado. (Foto: Roberto Stuckert Filho)
Em convenção do PT em Minas, Pimentel e Dilma são confirmados candidatos ao governo e ao Senado. (Foto: Roberto Stuckert Filho)

O PT de Minas Gerais confirmou neste domingo, 5 de agosto, as candidaturas de Dilma Rousseff e Fernando Pimentel ao Senado e ao governo mineiro. A convenção do partido, realizada na Quadra do Vilarinho, bairro de Belo Horizonte (MG), contou com 1.500 militantes e simpatizantes e transcorreu em clima de euforia. A ex-presidenta foi ovacionada pelos convencionais:  “Uai,uai! Que coisa boa! Minas Gerais vai ter Dilma Senadora”. Ela retribuiu o carinho: “A parte que eu mais gosto é o uai, uai. Podem falar o que quiserem, mas o uai, uai é muito lindo!”

Dilma disse que o Golpe de 2016, que a retirou da Presidência da República por meio de um impeachment fraudulento, a obrigava a retomar a luta pela democracia e contra o retrocesso imposto pelo governo Temer, que em Minas Gerais teve dois grandes apoiadores: Aécio Neves e Antonio Anastasia, senadores tucanos.

“Nós vamos, aqui em Minas, combater o golpe, que tem dois dos principais protagonistas aqui no Estado. Um que perdeu eleição, outro que destruiu o orçamento de Minas e entregou a [Fernando] Pimentel um governo falido”, disse. “Vamos lutar contra eles. Eleger Pimentel é muito importante para que também possamos eleger nosso presidente Lula”, lembrou Dilma, que agora é candidata oficial do PT ao Senado.

“Aqui em Minas Gerais é que vai se travar a luta decisiva. Se não ganharmos aqui, perderemos o Brasil. Somos desde aqueles que vão lutar dia a dia para eleger Lula presidente, Pimentel governador e, é claro, Dilma senadora. Esse trio é indissolúvel. Estamos nessa eleição pelo resgate da democracia. E a liberdade de Lula é a síntese da democracia no Brasil”, afirmou Dilma.

 

Lula

Em carta ao PT mineiro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, lembrou a trajetória de luta de Dilma e Pimentel desde o final dos anos 60, mas também ironizou a estratégia de Aécio de concorrer à Câmara dos Deputados para não enfrentar a ex-presidenta na disputa pelo Senado.

“Aécio Neves está lançando um prato novo, meio diferente, que não tem muito a ver com a cozinha mineira nem é muito ecológico: o escondidinho de tucano. O povo mineiro não vai engolir essa receita indigesta”, disse Lula. O senador mineiro anunciou que será candidato a deputado federal.

No palco da Convenção Estadual do PT, Dilma circulou descontraída, ao lado de Pimentel. Ela exaltou as mulheres presentes, “que representam as trabalhadoras, mulheres do nosso querido Partido dos Trabalhadores”, e contou sua participação no Encontro Nacional em São Paulo, que confirmou Lula candidato à Presidência da República.

“Estamos aqui de novo, fortes, inteiros, corajosos e lutadores”, discursou a ex-presidenta, saudada o tempo todo pela militância. “Somos de Minas, somos de luta, somos de Lula e vamos ganhar essa eleição. Lula Livre! A liberdade de Lula é a síntese da democracia no Brasil”, disse.

Ela lembrou que o golpe tinha como objetivo retirar direitos dos trabalhadores, mas não conseguiram destruir o PT, nem Lula, que lidera todas as pesquisas de intenção de voto, mesmo preso injustamente e sem provas na Polícia Federal, em Curitiba.

Dilma conclamou a militância a sair para as ruas e lutar contra o golpe, lembrando da importância da eleição das bancadas de deputados federais e estaduais em Minas. “A história recente do Brasil provou que se não tivermos uma bancada federal forte na Câmara, uma bancada estadual forte na Assembleia, não estaremos fortes para a luta que virá”, apontou.

“Estamos nesta eleição para prosseguir pelo resgate do país, dos direitos dos trabalhadores. Por isso é muito importante a eleição dos nossos deputados na assembleia para viabilizar o melhor governo para Minas Gerais”.

 

 

Faça parte dessa história
Coligação Do Lado Do Povo: PT-PCdoB-PR-DC-PSB
CNPJ 31.243.247/0001-61